A evidência histórica do fim do individualismo nos trabalhos da área médica ditou-nos uma tomada de posição nos primeiros dias de 1971, a idéia de construção de um hospital de neurologia, sob a denominação de Instituto de Neurologia de Goiânia.

Em 1973, iniciou-se a construção do que hoje é o nosso Hospital, inaugurado no dia 29 de Novembro de 1975.

3

O Hospital, dentro de pouco tempo se tornou conhecido fora do Estado, graças principalmente à cirurgia estereotáxica, para tratamento, especialmente do parkinsonismo, epilepsia e agressividade, com tecnologia e equipamentos trazidos da Alemanha.

Em 1981,o Instituto de Neurologia entrou na era da Tomografia Computadorizada. O ING passou a figurar como centro de tratamento das epilepsias e tornou-se, na época, centro de referência nacional. O número de casos operados ultrapassa atualmente os 1500, com resultados equivalentes aos dos melhores centros mundiais, constituindo-se na maior casuística da América Latina.

Como centro formador de especialistas, a Instituição se destaca, pelo ensino e exemplo de seus componentes.

A história do ING não é só isto, esta epopéia não seria escrita, não fora a dedicação e amor à profissão de todos os funcionários, da figura do mais humilde à do mais graduado. A eles o reconhecimento da diretoria em nome de todos os médicos.

O Instituto de Neurologia de Goiânia conta com uma área de 10 lotes, ao todo soma-se 7445 m2,, com uma área construída de 6253 m2,  no setor Bueno, em Goiânia. Disponibilizamos, ainda, 81 leitos, incluindo 12 da Unidade Terapia Intensiva (UTI) e 16 leitos no Pronto-socorro.

imagem-8

Corpo Clínico

Ao longo dos anos, o ING acumulou conquistas pioneiras. Alia um corpo clínico multidisciplinar com tecnologias de última geração.

Seu legado na neurologia não limitou ao campo, mas o levou a atender outras especialidades, como cirurgias cardíaca, vascular, bariátrica, geral e de coluna.

No campo da neurologia, o ING abrange o maior programa nacional de tratamento para epilepsia, chegando a operar 2,4 mil pacientes por ano. Entre outras iniciativas vanguardistas, também adota a tecnologia chamada neuromodulação, usada em patologias como Doença de Parkinson, Distúrbio Cognitivo, AVC e dores crônicas.

Hoje, a área de atuação do ING abrange programas de medicina preventiva, atendimento médico de urgência e emergência, cirurgias e internações terapêuticas de alta complexidade.

O hospital atende vários planos de saúde.